terça-feira, 9 de julho de 2013

Detenta compartilha fotos de dentro de presídio

Detenta compartilha fotos de dentro de presídio

Se condenadas, as detentas podem ser punidas com até 30 dias no isolamento – foto: reprodução/facebook
Se condenadas, as detentas podem ser punidas com até 30 dias no isolamento – foto: reprodução/facebook 

Após a divulgação de imagens postadas pela presidiária Aline Silva, compartilhadas na rede Facebook e em seguida deletadas por um perfil da Ronda Ostensiva Candido Mariano (Rocam), a Secretaria de Estado de Justiça de Direitos Humanos (Sejus) informou nesta segunda-feira (8) que será instaurado um conselho disciplinar para apurar a situação.
Nas imagens, a presidiária registra momentos com suas colegas detentas em diferentes áreas da penitenciária feminina, atualizando com certa frequência seu perfil do Facebook de dentro da cadeia, de acordo com as datas e horários de postagem indicados pela rede.
Se condenadas, as detentas podem ser punidas com até 30 dias no isolamento por cometimento de falta grave.
Em várias atualizações, a detenta fez postagens em alusão ao presídio. No dia 5 de julho, ela cita “apesar do lugar onde me encontro, conheci pessoas mt especias gosto mt de vcs maninhos” (sic), com as fotos das novas colegas. Em outra imagem, ela mostra suas unhas pintadas e afirma que, apesar de onde ela se encontra, possui sua própria manicure.
Em outra postagem, Aline compartilha uma montagem entre uma foto sua no presídio e outra de um homem onde ao fundo da imagem aparecem grades de outro suposto presídio. A legenda da foto dizia “o nosso amor e abencoado por Deus. eu profetiso em nome de Jesus” (sic).
A postagem ocorre em diferentes horários do dia e sempre publicados via celular. No caso mais recente, havia uma publicação realizada no domingo (7) e que, segundo a ferramenta social, havia sido postada de um celular da marca Iphone.
Em nota, a Sejus informou que as fotos foram tiradas no período de 6 de abril a 3 junho de 2013 e que Aline Silva deu entrada no sistema penitenciário no dia 6 de abril, enquanto outra interna que também aparece nas fotos, Ana Carolina Almeida, foi posta em liberdade por meio de alvará de soltura no último dia 3 de junho. Segundo a nota, as fotos foram postadas nos dia 4 e 5 de julho.
A Sejus informa ainda, que a partir de agosto o sistema de bloqueadores de celulares estará funcionando em todo o complexo da cadeia Raimundo Vidal Pessoa, objetivando qualquer possibilidade de uso de celulares pela população carcerária, paralelo a essa medida o enrijecimento das regras e das normas internas, bem como a revista minuciosa dos familiares das detentas será mantido.
A Rocam informou, por meio de sua assessoria, que o comando é responsável para dar o direcionamento de como irá proceder em relação à questão da imagem postada, e até o momento estava em reunião na Ordem dos Advogados Brasil no Amazonas (OAB-AM), não prestando mais esclarecimentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário