quarta-feira, 3 de julho de 2013

Sobre porte de armas

ENVIADO POR AGENTE DO DF
Fala Henrique,
meu nome é Robert Estehling de Oliveira(OLIVEIRA), fizemos o curso de formação juntos mas acabei tomando posse no concurso de Tecnico Penitenciário de Brasilia, atualmente agente de atividades penitenciárias.
Informo que estamos acampados no congresso nacional desde ontem 02/07/2013 e tentando a derrubada do veto ao PLC 87/2011(PORTE DE ARMA).
Contamos com seu apoio e se possível a divulgação para todos os agentes de minas para uma grande manifestação aqui em Brasília, e qualquer dúvida entre no sítio do nosso sindicato de Brasilia ( www.sindpen.com.br).
Abraços e aguardamos.
AGENTE OLIVEIRA



Bem-vindos, AGEPENS-DF! 


É com grande satisfação que o SINDPEN-DF informa à categoria que hoje foi realizado, com sucesso, o primeiro ato do MOVIMENTO PELA VIDA DO AGENTE PENITENCIÁRIO.

Na busca pela derrubada do veto ao PLC 87/2011 (que concede o porte de arma de fogo fora do ambiente de trabalho), cerca de 500 pessoas, dentre AGEPENS-DF e seus familiares, inclusive cidadãos sensíveis e solidários à causa defendida, promoveram uma caminha pacífica e organizada até o Congresso Nacional, onde publicamente manifestaram a insatisfação dispensada aos Agentes Penitenciários do país. O caminho até o Congresso foi marcado pela exposição de faixas e cartazes que simbolizaram o grito pelo direito à vida, à proteção, à valorização e fortalecimento do Sistema Penitenciário.

Como resultado parcial da luta, a Diretoria do SINDPEN-DF foi recebida pelos Senadores Renan Calheiros, Gim Argello e Eduardo Braga. Ficou acordado que os Senadores buscarão, junto aos líderes partidários, consenso para a análise do veto ao PLC 87/2011.

Importa destacar que o MOVIMENTO PELA VIDA DO AGENTE PENITENCIÁRIO envolve uma série de ações, e uma delas culminou em um acampamento em frente ao Congresso. Bravos guerreiros AGEPENS-DF se instalaram no local ansiosos pela adesão de mais membros da categoria, e que unidos e determinados, somente se darão por vitoriosos com a derrubada do veto ao Projeto de Lei que permite ao Agente Penitenciário defender a sua vida quando não estiver no exercício de sua função, afinal, têm-se nessa atividade profissional, reflexos perversos que vão além dos muros das penitenciárias.

O Presidente do SINDPEN-DF, Leandro Allan, declarou-se muito satisfeito com a atuação responsável e comprometida dos Agentes de Atividades Penitenciárias em lutar pelo direito à vida, e ressaltou acreditar na disposição da categoria na busca por seus direitos. “Essa categoria sempre foi reconhecida pela sabedoria e determinação em suas lutas. E agora, quando se fala em direito à vida, não será diferente!”, destacou o líder sindical.
  
Em linhas finais, o SINDPEN-DF CONVOCA todos os AGEPENS-DF a participarem da luta. A visibilidade promovida pela categoria é fundamental para o alcance do pleito. Levem suas barracas, juntem-se aos colegas que estão acampados e participem das mobilizações no Congresso Nacional.

3 comentários:

  1. PARABENS, JUNTOS SOMOS MAIS FORTES QUE A PRESINDENTE CORRUPTA E BANDIDA...

    ResponderExcluir
  2. DIMA, SAFADA , BANDIDA, PILANTRA, VC QUER PASSAR POR CIMA DOS AGENTES E ATE MESMO DO SENADO FEDERAL ... NUCA MAIS VOTEM NO PT MEU POVO
    SO TEM SAFADO E PILANTRA LA , PASTORAL DE PRESO SAO VAGABUNDOS , VAO AJUDAR O POVO QUE TA MORRENDO NAS FAVELAS DO BRASIL.

    ResponderExcluir
  3. PRESIDENTE DIMMA, SAFADA , BANDIDA, PILANTRA, VC QUER PASSAR POR CIMA DOS AGENTES E ATE MESMO DO SENADO FEDERAL ... NUCA MAIS VOTEM NO PT MEU POVO
    SO TEM SAFADO E PILANTRA LA , PASTORAL DE PRESO SAO VAGABUNDOS , VAO AJUDAR O POVO QUE TA MORRENDO NAS FAVELAS DO BRASIL.

    ResponderExcluir