quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Penitenciária em Ribeirão das Neves é a primeira em Minas a receber bloqueador de celular

Penitenciária em Ribeirão das Neves é a primeira em Minas a receber bloqueador de celular
Detentos que conseguem ter acesso a aparelhos celulares vão perceber o aparelho sem conexão a partir desta semana no Complexo Penitenciário Público Privado (CPPP), em Ribeirão das Neves, na Grande BH. Foi instalado um bloqueador de celulares que promete interromper a comunicação entre presos e o mundo exterior.
De acordo com a Seds (Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social), foram investidos R$ 1,6 milhão pelo governo estadual para a compra do equipamento, que foi instalado na última semana no pavilhão 1 da unidade. Ele bloqueia o sinal de todas as operadoras para chamadas e SMS.
Segundo o subsecretário de Administração Prisional, Murilo Andrade de Oliveira, a previsão é que a Penitenciária de Francisco Sá, no Norte de Minas, e a Nelson Hungria, em Contagem, recebam a tecnologia até janeiro de 2014.
O governo afirma que casas e empresas de áreas vizinhas aos presídios não serão afetadas pela queda do sinal.
Para Hamilton Mitre, diretor do consórcio Gestores Prisionais Associados, da PPP, o bloqueador de celular retira a possibilidade de assédio dos agentes penitenciários, por parte dos presos, para entrada de aparelhos celulares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário