segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Presos iniciam motim, mas são controlados por Agentes Prisionais.

penitenciaria_sena_Eles serão transferidos para o presídio da capital.

Os presos envolvidos na ocorrência foram identificados por: Mila, Fernando, Rato de esgoto e Chiquim


O clima ficou tenso no começo da tarde deste sábado no presídio de Sena Madureira. De acordo com a coordenação de segurança da unidade, presos sentenciados entraram em luta corporal com agentes penitenciários. Quatro detentos foram levados a delegacia de polícia por agressão física. Houve uma especulação de que teria havido morte, o que levou dezenas de parentes de presos à frente da penitenciária, mas a direção da unidade desfez a especulação. “O que houve foi o início de motim, mas a situação já foi contornada”, disse um agente escolta.
Um Agente Penitenciário relatou a nossa reportagem que o conflito iniciou por um cela, no entanto, as demais bateram grade e também jogaram pedras contra os agentes. Tudo começou quando uma cela suspeita foi revistada para a retirada de um celular flagrado com os presos, com a apreesão do aparelho telefônico, os internos tomar o telefone e partiram pra cima da guarda e houve luta corporal. Um dos agentes foi surpreendido pelos detentos ao abrir a grade mas, foi socorrido pelos colegas.
Os presos envolvidos na ocorrência foram identificados por: Mila, Fernando, Rato de esgoto e Chiquim, todos integrantes do pavilhão onde ficam os presos dos bairros Bom Sucesso e Cristo Libertador. Os acusados foram encaminhados pelos próprios agentes penitenciários a delegacia de polícia. Já na Unidade de Segurança Pública, onde seriam ouvidos, dois dos envolvidos tentaram empreender fuga, mas não obtiveram sucesso e foram rendidos. Eles serão transferidos para o presídio da capital.
Pelo menos 4 agentes penitenciários, estiveram envolvidos na ocorrência, um deles saiu com uma escoriação do braço. Após o ocorrido, mais agentes foram chamados para reforçar os trabalhos  e houve uma revista geral no referido pavilhão. Como resultados foram apreendidos um aparelho de telefone celular, um carregador de bateria, armas artesanais e chips de celular. Por volta das 18 horas deste sábado, a situação voltou a normalidade no presídio de Sena

Nenhum comentário:

Postar um comentário