segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

TENTATIVA DE FUGA - Agentes descobrem buraco no teto do presídio de São Lourenço


Cristiano Siqueira
da Redação do São Lourenço Jornal       Créditos da Foto: São Lourenço Jornal


Nossa reportagem chegou ao local por volta das 16h20min. Lá estavam os familiares dos presos, do lado de fora, todos aflitos à espera de notícias. Enquanto isso, mais agentes iam chegando. Com o passar das horas, os parentes dos presos iam ficando agoniados sem saber o que acontecia lá dentro e não arredavam o pé da frente do presídio.
Exatamente às 20h00minhs, o diretor do presídio Sr. Rafael Barbosa Ribeiro, autorizou a entrada da reportagem do São Lourenço Jornal e Rádio Alternativa. O diretor explicou sobre a descoberta do buraco e a necessidade de transferir 12 presos do Bloco A para Pouso Alegre e Itajubá, até que a reforma na cela seja feita. Ainda de acordo com o diretor, o buraco no teto dava acesso para a laje e consequente para outras celas do complexo e teve que ser interditada.
Após a entrada da nossa reportagem, os familiares dos presos ficaram mais tranquilos. Cerca de meia hora depois, após verificar o que estava acontecendo, saímos do interior do presídio para tranquilizar os parentes dos detentos que estavam do lado de fora achando que estaria acontecendo o início de uma rebelião. Após serem tranquilizados, os parentes voltaram para suas casas.

O Presídio de São Lourenço tem capacidade para 180 presos, mas atualmente está com 315.

Por volta das 16h 00min h deste domingo (01/12), agentes penitenciários do Presídio de São Lourenço faziam uma vistoria rotineira quando descobriram um buraco no teto de uma das celas do Bloco A. Durante a vistoria, os detentos estavam no pátio recebendo a visita de parentes. Assim que o buraco foi descoberto, por questão de segurança, o diretor do presídio encerrou a visita (que acabaria as 17h00min).
Nossa reportagem chegou ao local por volta das 16h 20min. Lá estavam os familiares dos presos, do lado de fora, todos aflitos à espera de notícias. Enquanto isso, mais agentes iam chegando. Com o passar das horas, os parentes dos presos iam ficando agoniados sem saber o que acontecia lá dentro e não arredavam o pé da frente do presídio.
Exatamente às 20h 00min, o diretor do presídio Sr. Rafael Barbosa Ribeiro, autorizou a entrada da reportagem do São Lourenço Jornal e Rádio Alternativa. O diretor explicou sobre a descoberta do buraco e a necessidade de transferir 12 presos do Bloco A para Pouso Alegre e Itajubá, até que a reforma na cela seja feita. Ainda de acordo com o diretor, o buraco no teto dava acesso para a laje e consequente para outras celas do complexo e teve que ser interditada.
Após a entrada da nossa reportagem, os familiares dos presos ficaram mais tranquilos. Cerca de meia hora depois, após verificar o que estava acontecendo, saímos do interior do presídio para tranquilizar os parentes dos detentos que estavam do lado de fora achando que estaria acontecendo o início de uma rebelião. Após serem tranquilizados, os parentes voltaram para suas casas.


O Presídio de São Lourenço tem capacidade para 180 presos, mas atualmente está com 315.

Um comentário: