Uma brincadeira popular em muitas casas de praia ou de campo quase estraga o fim de semana de um jovem da cidade de Cachoeira dos Índios, na região oeste do estado da Paraíba.
cena foi gravada por colegas da vítima e publicada nas redes sociais como uma maneira de alertar as pessoas para os riscos de se brincar com o perigo.
No vídeo, de 34 segundos, alguns jovens pegam um amigo pelos braços e pelas pernas e o carregam em direção à piscina. Os três garotos ameaçam jogar o amigo na água. O garoto carregado parece pedir para que eles não façam isso.


Quando conseguem posicioná-lo paralelamente à borda, eles começam a balançá-lo para arremessar, contando até três. Algo dá errado e no três o garoto que deveria cair na água bate com força as costas na borda da piscina e com a pancada cai com a cabeça para baixo.Dois colegas o seguram pelas pernas. Um outro pega o braço. Uma jovem filma toda a movimentação e avisa que está registrando a cena. Um quarto rapaz chega para ajudar a carregar o menino, que se debate um pouco para resistir.
Um dos amigos tenta segurá-lo pela perna direita, mas ele já está com a cabeça e o tronco submersos. A perna escorrega e ele afunda de vez. A moça que filma grita desesperada para que peguem o jovem e o socorram. E depois fica brava reprovando a brincadeira.
As imagens foram rapidamente espalhadas na internet. Numa das páginas do Facebook onde vídeo foi postado à 0 hora deste sábado (19), houve quase 30 mil compartilhamentos em apenas 18 horas.
Não se sabe se o garoto que sofreu a queda teve alguma sequela. Muitos comentários em um dos posts publicados no Facebook chegam a dizer que ele ficou paraplégico. Mas outras pessoas que aparentemente têm contato com a pessoa que postou o post original tranquilizam os demais, dizendo que o rapaz nada sofreu de mais grave, ficando apenas com a coluna dolorida de repouso por um dia.
De qualquer maneira, o vídeo serve de alerta para adeptos de brincadeiras aparentemente inocentes pensarem duas vezes antes de expor terceiros em riscos desnecessários.