quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Agentes 'abatem' drone que era usado para entregar celulares a presos


O eletrônico sobrevoava os pavilhões da Penitenciária Professor João Pimenta da Veiga quando um dos servidores de plantão conseguiu derrubá-lo



Agentes penitenciários conseguiram "abater" na madrugada de quarta-feira (16) um drone que era usado para tentar lançar celulares e carregadores na Penitenciária Professor João Pimenta da Veiga, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. 
De acordo com a Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap), os agentes notaram no momento em que o drone sobrevoava os pavilhões da unidade prisional. "A direção da Penitenciária confeccionou o Boletim de Ocorrência e irá apurar o caso por meio de um procedimento administrativo interno. O drone e os celulares foram encaminhados para a Polícia Civil, que investigará o fato", diz a nota divulgada pela pasta.
A Superintendente de Segurança Prisional da SEAP, Sara Simões Pires, afirmou que a ação do agente merece reconhecimento por ter evitado a entrada de objetos ilícitos na Penitenciária. “Os servidores estão atentos ao cumprimento de suas funções, e seguem as determinações da Secretaria em prol da segurança”, destacou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário